Atendimento
_

Domiciliar

O atendimento nutricional domiciliar é indicado em algumas situações:

  • Gestantes de risco que por diversos motivos requerem repouso;
  • Lactantes que acabaram de ter bebê e desejam suporte com relação ao aleitamento materno;
  • Lactantes que estejam em busca de melhora da sua própria alimentação;
  • Casos em que a mamãe ou a criança estejam com dificuldade de locomoção.

Também existem casos em que o atendimento nutricional domiciliar se mostra mais completo e eficiente, pois algumas soluções são mais fáceis de serem identificadas analisando as situações do dia a dia.

Confira alguns casos de Atendimento Nutricional Domiciliar:

  • Dúvidas comuns: diluição de mamadeira, consistência da papa, leitura de rótulos ou em técnicas dietéticas, tipos de utensílios, etc.
  • Dificuldades alimentares:
    acompanhamento de refeições de crianças que não comem ou que apresentem Seletividade Alimentar.
  • Introdução alimentar: apresentação, orientação e discussão das dúvidas de familiares, cuidadores e babás.
  • Crianças especiais ou que tenham restrição da mobilidade: é possível avaliar a autonomia da criança na hora da alimentação.

 

Além disso, a criança tende a se vincular melhor com o nutricionista quando ele vai à sua casa e pode sugerir abordagem lúdica no seu próprio ambiente, evitando choro e estresse.

Enviar
1
Ficou com alguma dúvida?
Olá!
Em que podemos lhe ajudar?